Busca:
Acesso Rápido:

Outras Informações Glossário

Glossário

ABIFA: Associação Brasileira de Fundição.

ANFAVEA: Associação Nacional de Fabricantes de Veículos Automotores.

ANP: Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis.

API: American Petroleum Institute.

BNDES: Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social - BNDES.

BNDESPAR: BNDES Participações S.A. - BNDESPAR

CVM: Comissão de Valores Mobiliários.

EBITDA: EBITDA é calculado ajustando o lucro líquido pelo resultado de equivalência patrimonial, participações de empregados, imposto de renda e contribuição social (e diferimentos), resultado não operacional, despesas não recorrentes relacionadas às atividades operacionais da Companhia (despesas com aquisições de empresas, gastos com captações de recursos atrelados a aquisições de companhias, etc.), amortização de ágio e a depreciação e amortização. O EBITDA não é uma medida utilizada nas práticas contábeis adotadas no Brasil, não representando o fluxo de caixa para os períodos apresentados e não deve ser considerado como sendo uma alternativa ao lucro líquido na qualidade de indicador do desempenho operacional ou como uma alternativa ao fluxo de caixa na qualidade de indicador de liquidez. O EBITDA não tem um significado padronizado e a definição de EBITDA da Companhia pode não ser comparável ao EBITDA ou EBITDA ajustado conforme definido por outras Companhias. Ainda que o EBITDA não forneça, de acordo com as práticas contábeis utilizadas no Brasil uma medida do fluxo de caixa operacional, a Administração o utiliza para mensurar seu desempenho operacional. Adicionalmente, a Companhia entende que determinados investidores e analistas financeiros utilizam o EBITDA como indicador do desempenho operacional de uma Companhia e/ou de seu fluxo de caixa.

FINEP: Financiadora de Estudos e Projetos do Ministério da Ciência e Tecnologia.

Práticas Contábeis Brasileiras ou BR GAAP: As práticas adotadas no Brasil, emanadas da Lei das Sociedades por Ações, e das normas e regulamentos da CVM e das normas de contabilidade adotadas pelo IBRACON.

Regra 144 A: Rule 144 A do Securities Act of 1933, conforme alterado, dos Estados Unidos da América.

Regulamento S: Regulation S do Securities Act of 1933, conforme alterado, dos Estados Unidos da América.

Resolução CMN 2.689 : Resolução do CMN n.º 2.689, de 26 de janeiro de 2000, e alterações posteriores.

SEC: Securities and Exchange Commission, a comissão de valores mobiliários dos Estados Unidos da América.

Segmento Energy Products: Unidade de negócios voltada principalmente para a fabricação de equipamentos e serviços para o setor de petróleo e gás.

Segmento Flow Control: Unidade de negócios voltada principalmente para a fabricação de válvulas industriais.

Segmento Metalurgia: Unidade de negócios voltada principalmente para a produção de peças pelos processos de microfusão e injeção de pós metálicos e cerâmicos.

SINDIPEÇAS: Sindicato Nacional da Indústria de Componentes para Veículos Automotores.

US GAAP: Princípios contábeis geralmente aceitos nos Estados Unidos da América.

IFRS: Princípios contábeis geralmente aceitos na Europa.

Última Atualização: 14 de fevereiro de 2011
 
Lupatech S.A. 2009 - Todos os direitos reservados Política de Privacidade | Termos e Condições
Lupatech
2009-06-19T14:49:41
2009-07-14T12:47:59